fotografia unsplash
Quando somos mais novos, queremos ansiosamente crescer, e que essa espera para a vida adulta acabe o quanto antes. Acreditando que ser maior de idade vai mudar muita coisa em nossa vida, e que isso será a melhor coisa do mundo. Bom, por um lado, é verdade, muitas coisas mudam, como as responsabilidades que aumentam mil vezes, o que acaba fazendo com que a gente precise amadurecer muito mais rápido que o natural, e isso as vezes faz a gente enlouquecer, pois é, a vida as vezes cobra muito da gente, e  a gente acaba sendo obrigada a dar um jeito de se virar. Como morar sozinha que te proporciona obrigações que talvez morando com seus pais você não tinha antes, ou até mesmo trabalho, faculdade, e quem sabe dividir a vida com alguém. Eu estou nesse momento da vida, em março desse ano completei dezenove anos, ou como dizem: primaveras. E mesmo antes disso, muitas coisas mudaram em minha vida ao "ficar de maior", sai de casa,  vim morar em outro estado sozinha, sem ninguém que eu já conhecesse pessoalmente, comecei o processo de abrir a minha empresa de marketing digital: a Colibri, com outros dois sócios: meu namorado e minha amiga (cunhada), comecei um relacionamento sério, bem sério por sinal, nós iremos nos mudar para minha cidade natal: Ribeirão Preto, e lá, continuar escrevendo a nossa história, e estabelecendo melhor a nossa empresa no mercado. Foram tantas mudanças em pouco tempo, em mais ou menos 6 meses a minha vida mudou completamente, imagina, para quem ficava o dia todo dentro de casa depressiva, foi um boom! E apesar de isso me assustar muito, como disse no post estar longe de casa, isso foi incrível para mim, me fez ver o mundo todo de outra perspectiva. Foi o ponta pé inicial para a vida adulta e para o meu processo de amadurecimento, apesar de todas as desistências, medos, e obstáculos que foram difíceis, saio dessa etapa muito orgulhosa de mim. Crescer é algo muito estranho e complexo, eu confesso que nunca senti tanta falta da minha família, até mesmo de tudo que eu reclamava antes de estar tão longe, a gente vê tanto defeito em tudo e em todos, quando somos ingratos tudo se torna negativo, e quando estamos dentro de um problema tudo se torna mais denso, estar de fora me fez ver como eu deveria ser mais grata a tudo que Deus me deu e reclamar menos, o quanto eu realmente sou grata e amo a minha família com todo meu coração, do jeito que são, os amo porque são o que são. E amo a minha mais nova família, meu namorado e meu gatinho, eles são o meu lar, e junto a eles, continuarei a escrever a minha história, eles fazem com que eu tenha mais vontade de vencer todos os obstáculos que eu encontrar no meu caminho, eles me dão força. E apesar de toda a dificuldade na vida adulta, e de ser necessário, confesso que gosto. E que estou animada para ver onde irei chegar, espero que longe. Daqui duas semanas estarei me mudando de novo, e espero contar tudo para vocês a partir daqui, irei ficar mais ativa no blog e quem sabe voltar para o canal no youtube. Sei que terei muito conteúdo e novidades para contar para vocês, obrigada a todos, grande beijo no coração.