A vida tem altos e baixos

15 de setembro de 2016


Me amar nunca foi uma coisa fácil para mim, desde sempre tive minhas gordurinhas a mais, sempre tentei dietas loucas, ou até mesmo comer menos, mas eu não conseguia, a verdade era que eu comia por pura ansiedade e compulsão, eu jogava todos os meus medos, inseguranças e tristezas na comida, fui engordando cada vez mais e gostando de mim cada vez menos, eu me olhava no espelho e queria sumir, as pessoas não entendiam o porque de tanta falta de amor, diziam que eu tinha o rosto bonito, que eu precisava focar nisso, outros sentiam prazer em me humilhar, falavam coisas horríveis, é uma pena, mas eu me importava demais com o que eles pensavam, e eles pensar coisas ruins sobre mim, piorava tudo. Eu só comia mais por me sentir tão mal, e não conseguia emagrecer de jeito nenhum.

A mídia sempre mostrava que o que era realmente bonito eram as mulheres com corpos magros, e eu não era assim. A sociedade por um lado, concordavam com a mídia, na verdade eu sentia pena. Até eu começar a acreditar que poderia ser verdade, que só o corpo magro poderia ser bonito, foi quando quis fazer dietas loucas, quis emagrecer a todo custo, tinha medo de não quer amigos e nunca ter um namorado por ser gorda, enquanto minhas amigas magras tinham muitos amigos e namorado, era patético mas eu realmente acreditava que o que a mídia queria impor era real, parabéns fizeram bem seu trabalho de enfiar na cabeça de uma jovem gorda que ela deveria ter um corpo "perfeito" para agradar os outros.


Foi a pior coisa que fiz na minha vida, acreditar nisso. Foi assim que tudo piorou, a cada kg que eu não conseguia perder, eu engordava dois. Desenvolvi muitos problemas psicológicos, não só por este motivo, mas ajudou muito a desencadear, me odiava cada vez mais, e pensava que nunca ia ter fim, eu nunca me vi gostando de mim, enquanto minhas amigas mesmo não sendo como as meninas das revistas ou consideravelmente perfeitas para os que seguem o padrão de beleza eram feliz e se amavam do jeito que elas eram. Confesso que tive inveja pouquíssimas vezes na minha vida, mas essa foi uma delas, sentia inveja por elas se amarem, não por serem bonitas e nem por terem um corpo ok, mas por conseguirem olhar no espelho e se gostarem. 



Resultado de imagem para ilustração auto estima
Infelizmente demorou muito tempo para eu perceber que não vale a pena a gente sofrer, digo sofrer por nada mesmo, tudo aqui nesse mundo tem jeito, acredito de todo o meu coração que para o seu problema tem um jeito, você só tem que descobrir qual é e se dedicar ao máximo para enfrentar seu problema da melhor forma possível, você consegue. Eu nem preciso falar que todo mundo tem problemas, e que vai ficar tudo bem, porque isso todo mundo fala. Mas saiba que tem jeito, e que você tem o poder em suas mãos de se levantar, ao invés e se afundar mais e mais a cada dia.

Não importa o que as pensam. Se você é magro, gordo, branco, negro, oriental, que seja, seu tipo de corpo ou cor, não importa se tem algum idiota nessa mundo que não saiba entender que existe diversidade e que isso pode ser e é bom, acredite você é incrível do jeito que você é. Seu rosto é bonito, e seu corpo também. Tem quem não goste, mas tem muitos que gostam, e que vão gostar. Então só não se importe, porque na verdade nunca vai parar de ter preconceito e nem maldade, sempre vai ter alguém para te colocar no chão e sambar em cima de você, você só tem que arrumar um jeito de se levantar e começar a sambar com ele. Não tenha raiva e nem ódio dessas pessoas, elas não sabem o que estão fazendo, só peça a Deus e torça para que elas entendam e parem.

Cheguei em um nível muito ruim, engordei muito, tive doenças psicológicas como depressão, compulsão alimentar e síndrome do panico, sentia meu mundo desabando a cada dia, todos os dias pareciam que não iriam ter fim, eram como pesadelos. As pessoas que me amavam diziam que eu precisava me levantar, emagrecer, ser feliz, mas como? Eu não conseguia ver um final nesse túnel.

Foi quando eu só tinhas duas opções, me levantar, ou cair de vez. Eu escolhi me levantar, e enfrentar todos os meus demônios, está sendo fácil? De jeito nenhum, acredite, é muito mais fácil ficar no chão do que tentar se levantar, eu estou lutando a cada dia, as vezes falho, 
outras vezes o dia acaba super bem.

Seja seu próprio apoio, para de tentar encontrar pessoas para se apoiar, não quero dizer que ter pessoas ali para te ajudarem com conselhos, ombro amigo é ruim, não, é ótimo. Eu digo de quando nós nos apoiamos completamente nas pessoas, quando a gente confia nelas a nossa vida, o nosso bem estar, nossa saúde emocional, pode acreditar as pessoas não gostam de que fiquem se apoiando nelas não dessa forma que eu citei, são poucas as que tem um bom coração bom de verdade, mas de verdade mesmo, para deixar as pessoas apoiarem completamente nelas. Segundo, você tem uma força do caralho, então porque você não usa ela ao seu favor? Simplesmente se apoie em você mesmo, confie em você, seja seu melhor amigo. E a forma mais fácil de não se decepcionar e se ajudar.
Faz tempo que não posto nenhuma inspiração de ilustração, né? É um dos tipos de post que mais gosto, mas acabo esquecendo de trazer para vocês o que encontro por aí. Para reparar essa falha, quero …


Podem não acreditar em você, mas eu acredito. Estamos na era da depressão, da doença psicológica ao todo na verdade, e mesmo assim as pessoas não conseguem acreditar que isso existe e que não é somente uma dor psicológica, mas que se torna crônica. Eles podem não acreditar, mas eu acredito em você, e eu sei o quanto dói, e o quanto você quer sair desse inferno, o quanto você quer viver bem, o quanto você quer ser feliz. E eu não acredito somente na sua dor, mas também acredito na sua vitoria, acredito que você pode sim, ficar bem.

Tudo que nos acontece na vida tem um motivo, um porque, pode ser que a gente não entenda no momento, mas depois tudo vai ficando mais claro, e tu entende o porque das coisas, o porque acontece aquilo contigo. Eu entendi muito bem, o porque aconteceu e acontece comigo tais coisas, entenda, olha onde estou, em um blog, falando para pessoas, que sejam 10 que leiam, estou falando para essas 10 pessoas, coisas que eu queria ter escutado lido, quando eu estava muito mal, bom eu não sei como você se encontra psicologicamente falando, mas através da minha dor, eu estou podendo levar para as pessoas o que eu vivi e vivo, ajudar de alguma maneira, eu entendi mais sobre a doença ao passar do tempo, mas sobre muitas coisas, eu cresci e amadureci muito. E hoje pode ser que não para muitas pessoas, mas eu tenho voz, eu tenho o blog como um espaço para ajudar as pessoas, sendo com uma dica de filme ou uma dica de como viver melhor. Eu aprendi a conviver com a depressão e a síndrome do panico, e aprendi a tirar o melhor proveito da situação que eu me encontrava. Você também consegue, eu sei disso.

Essa postagem não é só para quem tem problemas diagnosticados ou aparentes, é para quem tem problemas na família, não tem amigos, que se sentem sozinhos, que são tristes, que acham que não vão conseguir sair do problema que estão, que de alguma forma, precisam de ajuda, todo ser humano está propicio a doenças psicológicas, assim como físicas. eu to aqui para te falar de todo o meu coração, e com toda a verdade que eu tenho para lhe falar, o seu problema tem jeito, há uma solução, não se desespere, só espere, e enquanto esperar, se mova, procure coisas que te faça bem, procure jeitos de sair disso que te faz mal. A gente nunca para de ter tristezas e decepções na vida, mas a gente pode muito bem aprender a conviver com ela, e como eu disse, tirar o melhor proveito da situação.


Procure algo que lhe faça bem, nem que seja algo tão simples como ver um filme, só faça, veja um filme todos os dias. Faça de tudo para ser feliz, não se deixe afundar nenhum pouco, permita se a ficar triste por um dia, mas nunca mais que isso. Sua felicidade só depende de você, de mais ninguém acredite nisso. Quando acontecer algo ruim, só agradece, seja grato por tudo, alias, sempre poderia ser pior. Espero que você tenha gostado, e que tenha uma vida linda e feliz, seja forte e use a sua força ao seu favor, um beijo no seu coração. 

19 comentários

  1. Ualll, estou aplaudindo o seu texto/desabafo de pe! PARABENS. Principalmente por trazer esse tema pra discussao. Lindo de ver. Realmente somos o nosso proprio/unico apoio. Devemos fazer aquilo que nos faz bem. E pensarmos primeiro na gente nao significa sermos egoistas, mas sim, nos amarmos em primeiro lugar. Toda segunda-feira eu invento mais uma dieta. Toda quinta-feira eu desisto quando o happy hour com o pessoal da firma comeca. Todo domingo eu me arrependo. Acaba sendo pesado demais viver assim, sempre em funcao de buscar algo que eu nem sei se eu quero. E se eu me gostar de como eu sou? Porque nesse exato momento eu realmente gosto. Enfim, me empolguei.. HAHAHAH Foi mal o devaneio. Parabens, do fundo do coracao. Voce eh incrivel. Beijos

    http://www.verdadeescrita.com/sou-ansiosa/

    ResponderExcluir
  2. Tem dias ou meses ou até anos que a vida é um grito ensurdecedor e agoniante, a pressão para ser igual a capa da revista é sempre esmagadora, mesmo quando estamos perto disso nunca estamos de fato perto dessa imagem imposta, afinal ela não é real. Eu nunca passei exatamente pelo mesmo problemas que você minhas neuras eram outras como: achar que meu rosto não era proporcional e minhas pernas muito feias e meus traços muito pouco femininos. Desenvolvi alguns problemas por causa disso também, outros eu tenho desde sempre. Mas amiga eu admiro muito você, sua força e sua garra, de se levantar! Você é um exemplo para varias garotas e é incrível.
    Hurricane Stars

    ResponderExcluir
  3. Sua linda, obrigada pelo testo, me senti abraçada e confortada. Estou passando por um momento tão difícil e sei que muita gente, infelizmente, está passando pelo mesmo. Não sei o que fazer, mas as suas palavras me fizeram bem, me mostraram que eu devo ser forte. A vida é minha então é através da minha luta que eu posso me reerguer. Obrigada.
    Charme-se

    ResponderExcluir
  4. Ameeei seu texto! É um texto reconfortante.. e sim! Serve pra diversas situações da vida.. pra quem é gordo, magro, depressivo, solitário... Uma coisa é certa, só depende da gente querer mudar e dar o pontapé inicial, pois ninguém vai fazer isso por nós! E não é fácil... eu adorei a sua frase "acredite, é muito mais fácil ficar no chão do que tentar se levantar", é muito mais fácil mesmo, mas nisso, a gente vai afundando pouco a pouco... Não existe perfeição, temos que ser felizes por dentro, sentir paz e estarmos bem conosco mesmo, esse é um direito nosso e que ninguém pode tirar, né? O segredo é não ouvir coisas ruins das pessoas, quem diz esse tipo de coisa é maldoso e por dentro, deve ser infeliz no fim das contas, vivendo de aparências! Obrigadaa pelo textoo e pela reflexão!

    Beijinho e tudo de bom pra você! ;)

    www.apenasumdia.com.br

    ResponderExcluir
  5. Fany, esse post foi realmente muito lindo e inspirador!
    A parte que vc disse que não vale a pena sofrer por nada nesse mundo me tocou verdadeiramente. No caso, transportei ela para outros setores da minha vida e senti uma paz inexplicável aqui! As coisas passam e não vale a pena mesmo ficar remoendo nada aqui por dentro, né?
    Enfim, um beijo grande no seu coração também e saiba que esse post foi realmente maravilhoso. Foi uma baita contribuição sua pra essa internet enorme. <3

    Beijinhos,
    www.vitaminatrendy.com

    ResponderExcluir
  6. Oi, tudo bem?
    Todo mundo deveria ler esse texto, acho que todo mundo tem/teve um problema psicológico, ou então um distúrbio, todos já passaram por um problema difícil, um momento de baixa estima.. O melhor conselho de todos é não se apoiar totalmente nas pessoas, acho que fiz isso por muito.

    Beijos
    www.vireiprincesa.com

    ResponderExcluir
  7. Um texto que merece todo respeito da minha parte. Serviu como um up para mim. Tem dias que nos sentimos mal e precisamos de palavras e imagens como a sua postagem. Nada é fácil. Eu já sofri com problemas psicológicos, ansiedade em um grau extremo. Ler e ver que existem pessoas como você, fazem com que outras pessoas repensem na vida e no que estão fazendo para deixar seus dias melhores. Eu amei, de verdade. Obrigada!

    ResponderExcluir
  8. Me sentia da mesma forma, presa em um universo que não me pertencia. Não me sentia acolhida em nenhum lugar, mas única e exclusivamente porque não ME aceitava, não ME amava. Sempre esperava que outros fizessem isso.


    Ligeiramente Azeda

    ResponderExcluir
  9. Menina, que texto incrível, estou encantada. Acima de tudo temos que ter amor próprio, a mídia hoje em dia nos influencia demais, e nao podemos nos deixar levar por esses padroes. Temos que nos amar como nós somos e valorizar nossas qualidades sempre <3

    ResponderExcluir
  10. Que texto maravilhoso e confortante. Acho que todos deveriam ler, porque sempre passamos por situações parecidas em nossas vidas, vou salvar aqui e enviar para algumas amigas ❤

    ResponderExcluir
  11. Que texto mais inspirador. Quando era mais nova sofria por ser magra demais, tipo muito mesmo, mas não desenvolveu muito na minha mente, sempre fui bem to nem ai com comentários, coisas do tipo. Gosto muito de ver textos encotajadores como esse, só quem passa sabe o quanto é difícil.

    ResponderExcluir
  12. Olha, você é linda e não aceite menos que exclusividade de outra pessoa ou menos que você merece. Se ame, mesmo se o mundo te vire as costas, sempre vai ter uma pessoa para te ajudar. Força, você é linda!

    ResponderExcluir
  13. QUE TEXTO MARAVILHOSOOO! Me senti abraçada com ele e quero te abraçar também. <3
    "Simplesmente se apoie em você mesmo, confie em você, seja seu melhor amigo. E a forma mais fácil de não se decepcionar e se ajudar." Eu passei por essa coisa em outras proporções e cheguei a conclusão de que para os juízes da vida alheia nada ta bom. Ganhei vários apelidos por causa da minha magreza e meu cabelo crespo. Mas quando eu aprendi a me amar e comecei a ser minha própria âncora, nada dessas coisas abalou quem eu sou!
    Parabéns pelo texto ❤

    ResponderExcluir
  14. Seu texto é um tapa bem grande na cara dessa sociedade preconceituosa! Amei amei e amei! Me identifiquei em diversas partes do seu texto! Nós temos mais é que nos aceitar e nos amar do jeitinho que somos e qualquer coisa que formos fazer, seja perder peso ou mudar a cor do cabelo, que seja pra satisfazer a nós mesmos e não a essa sociedade idiota! Parabéns pelo texto, sensacional!

    ResponderExcluir
  15. Salvei esse post. Quero que ele sirva de inspiração pra todas as minhas amigas que já se olharam no espelho e se sentiram como você, pelo menos uma vez. O seu texto é nao só inspiração, é lição de vida! Temos que nos amar do jeito que somos, sem padrões e sem pudores. Que você seja sempre forte e que se ame sempre, poque você É LINDA!

    ResponderExcluir
  16. Oh, minha linda! Que post mais maravilhoso! Parabéns. É um fato que mesmo estando em momentos de aceitação, mudança e mais amor, ainda vemos a sociedade nos padronizar, parece que sem isso a sociedade não sobrevivi. Por mais que seja dito cada vez mais sobre amor próprio, ainda vemos muito por aí como devemos agir, pensar, vestir, sentir, ser. Estou muito feliz por ter lido sobre sua história. Parabéns, mais uma vez.

    ResponderExcluir
  17. Fany, que post é esse menina!
    Juro, to encantado com as suas palavras, parece que a cada texto publicado você se supera mais e isso, é ótimo! Quanto a esse processo de aceitarmos a nós mesmos é complicado, mas o que ajuda é saber que passa! Vou reforça o comentário da Letícia aqui em cima, dizendo que a sociedade sempre mostra os padrões comuns que devemos seguir, mas nunca perguntam se aquilo é o que realmente queremos para sermos felizes!
    To muito feliz, amei sua história e você é uma pessoa maravilhosa e que merece o mundo!
    Beijos!

    ResponderExcluir
  18. Já me deram muitos apelidos grosseiros por eu ser muita magra. Até dos meus próprios familiares, agora imagina isso vindo da sua própria família? Já sofri muito por isso. Mas hoje em dia não ligo mais. Aprendi a me aceitar assim, a me aceitar mais, do jeitinho que sou. E é assim que gosto de mim, e não mudaria nada se pudesse, porque senão não seria eu.

    ResponderExcluir
  19. Texto incrível! Parabéns! <3
    Seu blog é um amor, viu? Te desejo muito sucesso!

    Beijo, beijo.
    * Tem POST NOVO lá no meu Blog! Dá uma espiadinha!
    www.poderosaderosa.com.br
    @blogpoderosaderosa

    ResponderExcluir

© Mundo de Fany . Design by Fearne.