Resenha Série Touch

26 de outubro de 2017


Resultado de imagem para touch serie
Martin Bohm é um ex-jornalista que, após o falecimento da esposa nas Torres Gêmeas em 11 de setembro, passa a exercer uma série de trabalhos diferentes tentando dar um novo sentido à própria vida. Isso inclui tomar conta do filho, Jake, de 10 anos, que desde que nasceu foi diagnosticado com autismo. Mas Martin começa a acreditar que Jake é mais do que os olhos podem ver. Usando uma série de números em padrão, o garoto leva o pai a fazer descobertas e, assim, começa a traçar um certo equilíbrio entre vários acontecimentos ao redor do mundo. Martin passa então a investigar para descobrir qual é o grande propósito do filho, e os motivos de ele estar no mundo.
Resultado de imagem para touch série

Touch é o tipo de série que nos cativa logo nos primeiros episódios. Conta a historia de Martin, um pai viúvo que larga o seu emprego para cuidar do seu filho, Jake, que é autista, e um tanto quanto especial. De inicio podemos ver que a situação deles não é nada fácil, pois Jake começa a se meter em várias encrencas e Martin fica prestes a perder a guarda do filho. A série é incrível e digamos que seja bem diferente de todas as outras que eu já assisti, pois a cada episódio nós vemos vidas que estão predestinadas a se encontrar, com o decorrer da série nós vamos descobrindo coisas novas, conhecendo novos personagens e conhecendo cada vez mais a habilidade de Jake com os números, que é algo extraordinário, que salva vidas. Martin com a ajuda de um pesquisador descobre possibilidades de ajudar Jake através de seus enigmas numéricos. Uma das coisas mais interessantes na série é ver a comunicação do universo em diferentes locais do mundo, que através de simples atitudes, ajudam a salvar o mundo. Touch é uma série muito inteligente e interessante, que nos mostra que pequenas ações mudam tudo, nos ensina que não devemos ser pessoas individualistas, que estamos todos conectados, que todos nós precisamos um dos outros. Em Touch tem matemática, culturas diferentes, relação pai e filho, conexão, intensidade e muito mais.

A única coisa ruim, é que a série foi cancelada, e tem apenas 2 temporadas, e elas estão disponíveis na netflix. Vale super a pena conferir cada episódio da mesma

Reflexão da série: O ser humano não é a espécie mais forte no planeta. Não somos os mais rápidos, talvez nem os mais inteligentes. A nossa única vantagem é a habilidade de cooperar, ajudar uns aos outros.Nós nos reconhecemos nos outros e somos programados para ter compaixão; para o heroísmo,para o amor e é isso que nos faz ser mais fortes, mais rápidos e mais inteligentes. Por isso sobrevivemos. Por isso queremos sobreviver.
-  Jake 

Olha só morena

6 de outubro de 2017

Morena, você é poesia pura, quando você canta você me encanta, seu sorriso me transmite paz, eu gosto de te observar a caminhar, de te carinhar, de te falar o quanto você fica linda quando fica sem graça arrumando seu cabelo enquanto eu elogio seus olhos cor de mel, que guardam todo um mistério. É morena, cá estou eu, sentado ás 4hrs da manhã na varanda do meu apartamento no 15º andar me lembrando de cada detalhe seu enquanto olho as luzes da cidade, o que me faz lembrar aquele dia na praia, que ficamos até o dia amanhecer, e você me disse o quanto o amanhã pode ser linda e encantadora, mas que nada supera a noite e as luzes da cidade. Morena, hoje mais cedo me lembrei de ti mais uma vez, para não perder o costume. Abri meu jornal e em uma de suas páginas vi duas pessoas se abraçando, e eu me lembrei que no seu abraço eu me sinto em casa, é onde eu encontro paz, onde me sinto seguro. Olha só morena. O seu cheiro ainda está em mim, consigo fechar meus olhos e me lembrar de você caminhando pela praia dando aquela gargalhada gostosa que só você sabe dar, por causa daquela piada boba que você entendeu dias depois de eu ter te contado. Morena, você é uma bela rosa, e acredite, eu sei lidar com espinhos. Eu quero te ver de novo, eu não aguento mais esperar, por isso estou indo ai te encontrar, pra juntos, transbordarmos.

Ela é de câncer

Ela é canceriana e ama sorrisos, e ela amara cada detalhe seu, ela é sensível, carinhosa e vive em seu próprio universo particular, não tem medo de mostrar as suas emoções, adora conversar seja qual for o assunto. Ela é uma bela rosa, mas meu caro, não se esqueça, toda rosa tem seus espinhos, e como todo mundo, ela tem falhas e defeitos. Ela vê amor em tudo e em todos, ela transborda seja onde for. Encanta e é encantada.

Ela é inquieta, ela é o silencio que grita. Ela é a famosa mulher de fases da música dos Raimundos, ela ri, ela chora, ela é o grito, ela é o silencio, ela é a paz e a guerra. É considerada emocionalmente frágil e as vezes controladoras, mas sempre muito intuitiva. Ela gosta mesmo é da sinceridade, de pessoas que sabem o que querem. Ela tem paz no olhar, é um poço de paz e um oceano de caos. 

Ela pode parecer bobinha, mas de boba, ela não tem nada, ela pode ser mais esperta do que você imagina. Ela é o excesso, ela carrega o mundo dentro de si. Depois do primeiro beijo ela já está planejando o local de lua de mel, Europa ou Ásia?! Apesar de ser supersensível, ela é esquentadinha, não leva desaforo para a casa não. Ela é o que ela quiser, é o drama, é a comédia, é o caos é a calmaria, ela sabe lidar com seus próprios sentimentos, sobretudo, ela é autossuficiente, ela não precisa de ninguém além dela mesma, se ela deixa você encontrar em sua vida, é só pra transbordar, porque inteira ela já é.

Ela é protetora, prestativa e amiga fiel, sempre que precisar, é com ela que pode contar. Ela é complexa, extensa, variável, imprevisível, ela é fácil de conquistar, mais difícil de manter, mas ela vale a pena, cuide dela, porque meu caro, se ela for embora, ela não volta. Ela é canceriana, ela não é flor que se cheire, é jardim que se aprecie.

🐚Vscovibe🌊

Se afaste de pessoas que não te acrescentam

5 de outubro de 2017

Se não te acrescenta, não precisa permanecer na sua vida. Se afaste das pessoas tóxicas, se afaste das pessoas oportunistas, se afaste das pessoas que te fazem mal de alguma forma, se afasta de quem não te deseja o bem, e de uma coisa você pode ter certeza, você levará uma vida muito mais leve, e será muito mais feliz.

Você tem o controle da sua vida, você comanda quem entra, quem fica, e quem sai. E quem não te acrescenta em nada, nem deveria estar na sua vida, você está no controle, uma vez um velho amigo me disse: "Balance a arvore da sua vida e deixa todas as frutas podres caírem." e eu posso te garantir que esse conselho foi um dos melhores que eu já recebi na minha vida, faça isso, e as que de fato caírem, as deixe no chão, pois se elas não ficaram, lá não era o lugar delas
. Não se sinta mal por cortar pessoas da sua vida, é a sua saúde mental em jogo, e você precisa cuidar dela.


E também entenda que pessoas vão te cortar de suas vidas, as vezes de uma forma que você não irá entender no momento, mas a pessoa sim, mesmo que seja difícil, não questione, elas precisaram fazer isso por um motivo, nem sempre fazemos bem para as pessoas, nem sempre devemos continuar na vida delas, e está tudo bem
. 

Tudo é energia. Somos afetados 24 horas por dia pelo ambiente que estamos, pelas pessoas que temos ao nosso redor, pelo conteúdo que consumimos, pela comida que comemos, pelas compras que fazemos, lugares que frequentamos e por ai vai, tudo é uma questão energética, se tudo que citei acima te faz bem ou mal, e se algo ou alguém te faz mal, comece a evitar. Se você está trabalhando em um emprego tóxico, com pessoas tóxicas, comece a procurar outro, pois se está te atingindo de forma negativa, esse lugar não é para você.

Não mantenha na sua vida quem faz você se sentir inferior, quem te prejudica de alguma forma, quem te maltrata, quem te fere fisicamente ou psicologicamente, quem te aborrece, pare de se esforçar tanto para ser a melhor pessoa do mundo, se desapega da imagem de boa moça que te disseram que precisas fazer, você não precisa tolerar algo que te faz mal, só para parecer uma pessoa melhor
.  Se ame em primeiro lugar, diga adeus a quem não veio para somar em sua vida, é como dizem por ai, se não soma, some.


Porque eu não vou fazer mais dieta

12 de setembro de 2017

Resultado de imagem para alimentação consciente
Imagem via eu sem fronteiras
Eu me decidi que não vou fazer mais dietas, e a gente precisa conversar sobre isso. Desde os meus 10 anos de idade eu vivo em função de emagrecer e de ter o corpo perfeito. Eu deixei de ir em festas por causa do meu corpo, eu deixei de me relacionar por causa do meu corpo, eu deixei de me alimentar por causa do meu corpo. A Ditadura da beleza foi me destruindo aos poucos.

Quando eu tinha 10 anos eu não era uma menina gorda, mas já odiava meu corpo, e em função de odiar o meu corpo e querer ser cada vez melhor, cada vez mais eu engordava. Sabe porque? Porque dietas são restritivas, se eu for listar aqui todas as dietas que eu já fiz na minha vida com certeza não vai caber somente nessa postagem, são muitas, dentre elas as mais famosas: Dietas dos grupos ana & mia: Dieta do ABC, Dieta Perdida, Dieta do Limão, Dieta da Boneca. Dieta Dukan, Low Carb, Dieta da Sopa, Dieta do leite de soja, sim, eu fiz uma dieta que só tomava leite de soja por inúmeros dias, e foi nessa dieta que eu mais passei mal. Tudo bem, foram várias dietas restritivas para emagrecer e eu ter o corpo que diziam que era o corpo certo, o famoso padrão corporal que a mídia e a sociedade nos bombardeiam o tempo todo. Eu não posso ser moralista e falar que nenhuma dessas dietas não emagrecem, porque sim, elas emagrecem, e sim, em algumas delas os resultados são imediatos, mas depois, terá o famoso efeito rebote, o efeito sanfona e etc, você emagrece e engorda, emagrece e engorda, e não vale a pena. 
Foram fazendo essas dietas que eu cheguei na obesidade, e passei a odiar o meu corpo cada vez mais. Se eu não tivesse crescido com a pressão estética, fazendo dieta desde tão nova e consequentemente tendo compulsões alimentares, hoje meu corpo seria completamente diferente.

Em todos os esses anos de dieta eu tive compulsão alimentar, e até cheguei a ser diagnosticada por um psiquiatra, e acabei sendo medicada pelo mesmo. Compulsão alimentar é uma doença que a maioria das pessoas que fazem dietas restritivas vão ter, e por isso não vão conseguir alcançar em paz as suas metas. 
Todas as vezes que eu tive episódios de compulsão eu me culpava extremamente, era como se eu fosse incapaz de fazer qualquer coisa na minha vida, eu sentia que eu não era forte o suficiente, que eu não tinha força de vontade o suficiente. 

Foi ai que eu comecei a entender que não era culpa minha, que restrição alimentar gera compulsão alimentar, eu entendi que eu não deveria colocar o meu corpo em estado de privação, que eu deveria ter uma alimentação consciente e antes de mais nada passar pelo processo de aceitação e amor próprio. Comecei a entender que a minha forma de ver e lidar com a comida deveria mudar, e foi ai que eu percebi que quando estou equilibrada eu não tenho episódios de compulsão, quando me encontro em desiquilíbrio é completamente diferente, eu acabo tendo muito mais compulsões e tenho vontade de devorar tudo que eu vejo pela minha frente, e eu não fico nenhum pouco feliz comendo quando estou em compulsão, eu não sinto o gosto da comida, eu me apavoro, me sinto a pior pessoa do mundo e eu tenho vergonha de mim mesma. Então eu me decidi eu não vou fazer mais dieta, eu não vou mais contar as calorias, eu não vou mais restringir alimentos, eu não quero pensar na comida como o fator principal da minha vida, apesar dela ser de extrema importância, mas é apenas algo do meu dia a dia, não pode ser tudo. Eu escolhi me alimentar conscientemente, comer o que eu tenho vontade, mas sobre tudo comer o que faz bem para o meu corpo, fazer o possível pra me manter em equilíbrio e me conectar comigo mesma.  Eu quero sim emagrecer, mas eu não quero emagrecer de uma forma desesperada, ter isso como a realização da minha vida, e sim como a consequência de me alimentar bem. Não emagreça por estética, emagreça por saúde.

Toda vez que você tenta fazer uma dieta e não conseguir, a culpa não é sua, é somente o teu corpo respondendo. Não tem a ver com falta de vontade ou indisciplina. 
© Mundo de Fany . Design by Fearne.